fbpx
Pular para o conteúdo

Ar condicionado é bom e faz bem. E, refrigeração é imprescindível!

Presidente da ABRAVA – Eng. Pedro Evangelinos


Presidente da ABRAVA Eng° Arnaldo Basile participará do 3ER Foro Iberoamericano de Calidad de Aire – 12 de agosto
Destaques

Presidente da ABRAVA Eng° Arnaldo Basile participará do 3ER Foro Iberoamericano de Calidad de Aire – 12 de agosto

Presidente da ABRAVA Eng° Arnaldo Basile participará do 3ER Foro Iberoamericano de Calidad de Aire Confira toda programação AQUI

Uso do Ar Condicionado em Meios de Transportes com Foco em Conforto, Segurança e Saúde foi pauta de evento na ABRAVA – confira as conclusões
Destaques

Uso do Ar Condicionado em Meios de Transportes com Foco em Conforto, Segurança e Saúde foi pauta de evento na ABRAVA – confira as conclusões

No dia 29 de julho, por iniciativa do Departamento Nacional de Ar Condicionado Automotivo junto ao Qualindoor – Departamento de Qualidade do Ar da ABRAVA – Associação Brasileira de Refrigeração, Ar Condicionado, Ventilação e Aquecimento aconteceu o seminário que abordou o tema “Uso do Ar Condicionado em Meios de Transportes com Foco em Conforto, Segurança […]

Distribuição de ar em tempo de coronavírus por Eng. Celso Simões
Destaques

Distribuição de ar em tempo de coronavírus por Eng. Celso Simões

DISTRIBUIÇÃO DE AR EM TEMPO DE CORONAVÍRUS por Eng. Celso Simões INTRODUÇÃO A pandemia de CORONAVÍRUS nos traz algumas preocupações. Devemos continuar utilizando fluxo de ar turbulento como sistema de distribuição de ar? O vírus em questão pode se propagar basicamente por 3 rotas: (Documento de orientação REHVA COVID-19 04.04.2020) 1- Transmissão aérea de partículas […]

Covid-19: o que é pior, um lugar com janela aberta ou com ar-condicionado? Eng. Leonardo Cozac para o Blog do UOL da Lúcia Helena – Não deixe de ler
Destaques

Covid-19: o que é pior, um lugar com janela aberta ou com ar-condicionado? Eng. Leonardo Cozac para o Blog do UOL da Lúcia Helena – Não deixe de ler

Ande pelas ruas usando a sua máscara e sem ficar tocando no tecido nem levando as mãos aos olhos.  Também mantenha aquela distância básica de 1,5 metro de quem ameaçar cruzar o seu caminho. Agindo assim, você estará 18 vezes mais protegido de pegar o Sars-CoV 2 nesse passeio por calçadas do que no instante […]

Assista ao vídeo institucional da ABRAVA