Dr. Paulo Saldiva, São Paulo e a Sustentabilidade! Homenagem dia 05 de dezembro!

Notícias

São Paulo não é uma cidade sustentável.

Temos aqui na metrópole seis tipos de poluição: do ar, das águas, do solo, sonoro, visual e climática.

Os motivos disso são múltiplos e variados, e o esforço e a necessidade de mudar essa realidade são imensos, necessários, difíceis mas possíveis.

Os poderes públicos têm deixado a desejar nessa questão, e as políticas públicas têm sido tímidas e muitas vezes omissas e coniventes. Assim, a cidade e sua população sofrem com o enorme passivo ambiental existente, e frouxamente enfrentado.

Mas existem milhares de iniciativas de pessoas, grupos organizados e instituições que trabalham para transformar essa realidade. Mesmo alguns governos agiram mais firmemente, como na gestão 2005/2012, quando se triplicou o número de parques, plantou-se 1,6 milhões de árvores, instituíram-se os programas Córrego Limpo e Defesa das Águas e implantou-se a política de despoluição do ar e mudanças do clima. Essas iniciativas foram interrompidas nos últimos 6 anos.

Tenho feito de nosso mandato, uma trincheira em defesa da construção de uma cidade mais sustentável. Para isso temos nos apoiado nas parcerias com muitos paulistanos que dedicam sua vida a essa tarefa. São muitos!

Por isso, decidimos homenagear uma dessas pessoas, que como pesquisador e ativista tem prestado um imenso serviço a São Paulo. Trata-se do médico e pesquisador da USP, Prof. Dr. Paulo Saldiva.

No dia 5 de dezembro, 4ª feira, às 19h, na Câmara Municipal de São Paulo, quero convidar todas as pessoas preocupadas em fazer uma São Paulo mais sustentável, a participar da entrega da Medalha Anchieta e Diploma de Gratidão da Cidade de São Paulo ao Dr. Paulo Saldiva.

Essa homenagem se reveste também num libelo de todos nós para que a pauta ambiental ganhe a importância que deve ter na vida da cidade.

Venha, participe, prestigie!

Dr. Saldiva merece!

E a sustentabilidade também!

Gilberto Natalini
Médico, Ambientalista e Vereador (PV/SP)